Notícias

  • A Superintendência de Tecnologia da Informação (STI) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) duplicou a velocidade da internet no campus sede, indo para 2 GB. Agora, na prática, vai ficar mais rápido acessar um endereço eletrônico ou fazer download de um documento, por exemplo. Cerca de 40 mil usuários, entre estudantes, técnico-administrativos e professores, serão beneficiados.

     

  • O projeto de extensão “Cine e Medicina”, do Centro de Ciências Médicas (CCM) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), apresenta nesta quarta-feira (27), a partir das 17h, o filme “O Médico Alemão”, dirigido por Lucía Puenzo. A sessão será exibida no auditório do CCM, Campus de João Pessoa, com entrada franca.

     

  • Parcerias com a AUF e University of Manchester foram os principais temas da agenda da reitora, na sexta, 22.

     

    O processo de internacionalização da UFPB foi a pauta da reunião entre a reitora Margareth Diniz, o diretor da Agência Universitária de Francofonia para América Latina (AUF) Gilles Mascle, a professora do departamento de mediações interculturais Kátia Fraga e o coordenador da Assessoria para Assuntos Internacionais (AAI) José Antônio Rodrigues. O encontro ocorreu na manhã de 22 de setembro, no gabinete da reitoria.

  • Começaram nesta segunda-feira (25) e vão até sexta-feira (29) as oficinas de inclusão e acessibilidade. São promovidas pelo Comitê de Inclusão e Acessibilidade da Universidade Federal da Paraíba (CIA/UFPB), Campus I em João Pessoa. As oficinas fazem parte da programação de atividades do Mês da Luta da Pessoa com Deficiência.

     

    As oficinas ocorrem no período da tarde, das 14h às 18h, no Centro de Desenvolvimento do Servidor Público (Cedesp). Os certificados de participação serão encaminhados por e-mail.

     

  • Debater uma nova estrutura para a Escola de Educação Básica (EEBAS) da UFPB. Esse foi o tema central de duas reuniões, realizadas na semana passada, entre pais de alunos, coordenação da Escola, coordenação do Centro de Educação (CE/UFPB) e a Reitoria.

     

  • A Superintendência de Comunicação Social da Universidade Federal da Paraíba (SCS/UFPB) iniciou hoje (25) as inscrições para seleção de alunos estagiários da TV UFPB. São oferecidas duas vagas para alunos graduandos do Curso de Comunicação Social – habilitação em Jornalismo. O prazo de inscrição se encerra nesta sexta-feira (29).

     

  • A exposição “Um olhar por partes”, do grupo Paraibando, formado há quase quatro anos por 14 fotógrafos amadores, exibe imagens das mesorregiões da Paraíba (Mata, Agreste, Borborema e Sertão) no hall da entrada da reitoria da UFPB, campus I. A mostra compõe-se de 78 fotografias coloridas e em preto e branco, de variadas dimensões, e pode ser apreciada até o fim da tarde desta segunda, 25 de setembro.

     

  • Com o mote “Qual é o meu Papel?”, o Comitê de Inclusão e Acessibilidade (CIA/UFPB) realizou uma caminhada pelo Campus I, na manhã da quinta, 21 de setembro, Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência.

     

    O evento é parte da programação do Setembro Verde - Mês da Pessoa com Deficiência - e contou com a presença de estudantes, técnico-administrativos e docentes. O intuito foi chamar a atenção da comunidade universitária para as demandas das pessoas com deficiência na UFPB.

     

  • A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) recebe a “IV edição da Jornada Paraibana de Reumatologia”, no Campus I em João Pessoa. O evento vai acontecer no dia 7 de outubro, das 8h às 18h, e é uma realização da Sociedade Paraibana de Reumatologia (SPR).

     

    A “IV Jornada Paraibana de Reumatologia” tem como objetivo proporcionar atualização e discussão clínica na Reumatologia e difundir conhecimentos sobre a especialidade. As atividades acontecem no auditório do Centro de Ciências Médicas (CCM), em João Pessoa.

     

  • Como parte integrada às ações do projeto de extensão, intitulado “Experiências Criativas na TV”, foi realizada neste sábado (23), a “I Oficina de Audiovisual para Crianças”, realizada pela TV UFPB, onde foram contempladas mais de trinta crianças. Este projeto é coordenado pela diretora de Artes Cênicas, Cely Farias, que vem aprofundando seus conhecimentos na área do audiovisual.

     

  • Doutorandos e pesquisadores brasileiros interessados em complementar seus estudos em universidades estrangeiras têm até 30 de setembro para se candidatar ao programa BE A DOC. São ofertadas mais de 800 vagas para doutorado sanduíche e estágio de pesquisa em 16 instituições de ensino europeias.

     

  • O Centro de Energias Alternativas e Renováveis (CEAR) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) publicou relatório de atividades, relativo a 2016, na plataforma ISSUU.

  • A Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) divulgou, em 20 de setembro, nota sobre o afastamento de dirigentes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

     

     

    UFSC, universidade cidadã e de qualidade

     

  • A artista plástica Juliana Alves, mestranda do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais (PPGAV) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), está participando do Festival Confluências de Arte que reúne artistas visuais da Argentina, Brasil, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguay e Uruguay. O Festival, realizado em Clorinda (Argentina) até o próximo domingo (24) é dedicado às áreas de pintura, fotografia, audiovisual, instalação e performance.

     

  • Em cartaz, por toda esta semana, no Rio de Janeiro, a Ópera 'Dulcineia e Trancoso” do compositor Eli-Eri Moura, que é professor do Departamento de Música da Universidade Federal da Paraíba (DEMUS/UFPB).

     

    Numa montagem feita pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UNIRIO), sob a coordenação da  Carol McDavit e do maestro Guilherme Bernstein, à frente da Orquestra da UNIRIO, além de coro e oito cantores solistas, a ópera estreou no final de semana passado.

     

Páginas